Herida é um agrupamento iterseccional de artistas formado por Aline Furtado, Darwin Marinho, Dora Moreira, Eduardo Barrosa e Natália Moura. Parte da inquietação com as linhas de colonialismo que compõem as veias do tecido urbano e modulam a paisagem topográfica da cidade de Fortaleza. Desenvolvendo um projeto coletivo de produção e distribuição coletiva de fanzine, além de encontras e trabalhos coletives, propõe o compartilhamento e a difusão de saberes e poéticas
anticoloniais e desobedientes.